terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Halloween Horror Nights, a festa da Universal Studios



Depois de termos ido às festas de halloween do Busch Gardens e da Disney, faltou conhecermos a festa "Halloween Horror Nights" no parque da Universal. 

Compramos os ingressos da festa no site Vou Pra na opção de usamos de domingo à sexta (ilimitadamente). Optamos em ir mais de uma vez, porque pesquisas apontaram que o parque ficava muito lotado e não daria tempo de conhecer todas as casas do terror (enquanto no Busch Gardens eram 6, aqui eram 10 casas + 5 scare zones + 2 shows).

O calendário da festa trazia opções de setembro a outubro (praticamente todos os dias). Não é permitido o uso de fantasias e máscaras, mas o pessoal abusa das camisas temáticas e divertidas. 

Em 2019, estávamos animadíssimos pois o tema da festa era Strange Things, e ainda as casas dos Caça-Fantasmas, Nós e, claro, do Strange Things.

A regra mais básica é: ninguém vai tocar em você. Pode ficar tranquilo quanto a isso. Então é só enfrentar o medo e curtir...

É aquela história, a festa começa às 18:30 e vai até meia-noite (alguns dias até às 2h), e quem não tem ingresso é convidado a se retirar do parque às 17h (ou seja, perde umas horas de parque). 

A maior expertise da Universal Studios é fazer cinema e arrasar nos efeitos especiais. Então o que esperar dessa festa? Tudo e um pouco mais! 

É a festa mais cansativa porque tem muito mais atrações e as filas são gigantescas (me arrependi de não ter alugado uma cadeira de rodas elétrica). Se você tiver limitação de hora e dias, melhor comprar o fastpass da festa. Depois compra logo um refil de refri, cerveja e vá curtir. 

Alguns brinquedos ficam abertos, mas como nas outras festas, não são o foco do público: Transformers 3D, Hollywood Rip, Ride It, Rock It, The Revenge of The Mummy, Man In Black Alien Attack, Harry Potter and the Escape from Gringotts e o Simpsons.

Acho que a maior dica é chegue cedo! Porque as filas para entrar são quilométricas (eu nunca tinha visto isso). Como compramos passes da Universal para usar durante 30 dias, entramos mais cedo no parque e já ficamos lá dentro (o que foi bom pra já irmos pegando a fila do Ghostbusters e nos poupar da confusão no acesso ao parque). 

Resumindo: é bem legal e bem produzido. Mas achamos que a festa do Busch Gardens zerou a vida. Então a sugestão é: vá primeiro na festa da Universal e deixe por último a do Busch. Com certeza assim vai dá bom! 

Assustômetro:
Disney: light
Universal: medium
Busch Gardens: hardcore



Orlando - Estados Unidos
Viagem: 1997 (janeiro), 2001 (janeiro), 2005 (julho), 2009 (agosto), 2011 (dezembro), 2018 (abril), 2019 (setembro).



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como escolher seu hotel em Las Vegas

Sempre ouvi dizer que a hospedagem em Las Vegas é um item muito fácil de resolver, porque são muitas opções e, portanto, acaba sendo ...