quinta-feira, 17 de abril de 2014

Novidade: Viaje nos filmes



A maior novidade do blog dessa temporada é que vou acrescentar no relato de todas as cidades que eu for uma listinha básica de filmes que retratam a cidade ou a tem como pano de fundo na história. Uma ótima forma de aprender história e estimular a curiosidade e interesse por algum local é certamente através do cinema. 

É memorável a abertura do filme "Meia noite em Paris" em que Woody Allen gasta generosos minutos do seu filme mostrando muitas e várias partes da Cidade Luz. Com certeza foi uma delícia assistir àquelas imagens para quem já esteve em Paris e, muito mais, para quem sonha em conhecê-la. Para quem não viu, taí o vídeo:



Então à título de sugestão, vou começar a incluir títulos de filmes que podem colaborar deliciosamente no "esquenta" da sua viagem.



quarta-feira, 16 de abril de 2014

Oportunidades na vida

"Do not let the moment passes you by"


Acho que já deu para perceber que de uns tempos para cá eu entrei numa pegada diferente na vida. Comecei a assistir Breaking Bad e usar metanfetaminas pensar (ou reparar mais) no quanto a vida está passando rápido, e nessa mesma velocidade no quanto vem crescendo a nossa expectativa em aproveitá-la ao máximo (pelo o menos é como tem funcionado comigo).

Também já escrevi aqui no blog sobre as oportunidades que surgem em nossas vidas e que não podemos deixar passar (lá em 2011), principalmente em relação à viagens. E eis que bem "relampagamente" surgiu uma mega viagem na minha vida. E assim como surgiu a minha primeira vez na Europa e em Paris, o mundo de repente sentou-se no meu colo. Estou embarcando com minha família para a Europa daqui a menos de um mês. 

Sim, eu, a rainha do planejamento, do excel e suas planilhas estou indo com minha mãe, duas tias e um primo ficar quase um mês no velho continente. E não para por aí, completamente diferentemente do curso normal da minha vida, ela vai ter um custo bem elevado em relação principalmente à hospedagem e ao dinheiro de gastar. O euro está numa fase muito estimada (há quem diga que vai cair por conta da Copa no Brasil) e maio é considerado alta temporada pelo clima maravilhoso da Europa que está fazendo a passagem do gelo para o fogo. 

Mas depois de pensar "muito pouco", resolvi embarcar nessa porque essa viagem tem um significado todo e completamente especial para minha tia que sonha desde que era possível sonhar em conhecer a Europa (nas contas dela já são 65 anos de espera), e finalmente isso vai se concretizar. Resolvi ir...resolvi ir e fazer parte disso. 

Meu primo, filho dela, é PhD em viagem e quando eu comecei a arrumar minhas malas ele já se aventurava de mochileiro por esse mundo, já esteve na Europa várias vezes, de trocentas formas possíveis e já esteve em todos os locais que iremos dessa vez. Minha mãe já fez o pacote CVC de um mês na Europa (aquele desumano), minha outra tia (a pioneira) já fez uma excursão nos longínquos anos 90 também por várias partes da Europa naquela época em que tinha cinzeiro na poltrona do avião (?). E eu já estive três vezes por aquelas bandas. Montamos uma bela equipe para fazer parte dessa realização de sonhos da minha tia, e confesso que isso está me empolgando mais do que conhecer pela primeira vez a Inglaterra e a Itália. 

Parafraseando Amyr Klink, eu digo que tem que ir lá ver, e quando a oportunidade chegar (mesmo sem estar tão preparado para ela) faça um esforço e vá. Dinheiro vai e vem, já os momentos, não. 

Quando chegar, eu conto como foi. 


terça-feira, 15 de abril de 2014

Viagem em grupo: Festa a fantasia de Goiânia


Na minha opinião viajar em grupo é uma coisa muito tensa e que trás sempre à tona a grande responsabilidade de chamar as pessoas certas para se juntar ao grupo. E todo mundo há de concordar que essa é uma tarefa dificílima, é tão arriscado como investir na bolsa de valores. 

Então facilite tudo viajando com amigos que o contexto muda de figura (o risco continua, mas diminui consideravelmente). Eu simplesmente adoro viajar com amigos e principalmente quando essa viagem envolve festas e roteiros de carros. É o tipo da viagem que muito intensamente vai te trazer momentos para guardar para posteridade (ou prosperidades como eu escuto por aí).

Dessa vez juntamos uma galera incrível (dez pessoas) para ir até Goiânia, Goiás, onde aconteceu a famosa Festa da Fantasia 2014. Curiosamente ninguém tinha ido e foi nossa primeira viagem coletiva, foi um daqueles bate-e-volta fantásticos que fez com que todos nós voltássemos diferentes. Diferentes no melhor sentido da palavra, com mais gás para voltar à realidade e lidar com a rotina incontestável de nossas vidas. 

O mais engraçado é que a viagem, o making off e os bastidores da festa superaram a própria festa. Sinceramente a coitada, em nenhum momento, competiu à altura com todo esse contexto que citei, eu já sai de casa sabendo que a festa cumpriria seu papel de festa (um desculpa esfarrapada para alugar fantasias e viajar de carro para a capital mais próxima). E posso falar que foi uma das melhores festas da minha vida, pelo simples fato de que por causa dela juntamos a galera e seguimos pela estrada.

Como é bom, através de uma viagem, sentir e perceber o quanto ter pessoas do bem ao nosso lado pode influenciar tanto em nossas vidas. Como é mais fácil viver sabendo que tem grandes amigos por perto para os momentos de tristeza ou de extrema felicidade, porque até para compartilhar os bons momentos precisamos de amigos de verdade e que estimulam as good vibes. 

Fundamental é mesmo a amizade e o amor (sem dar uma de Johana Lenon) porque é impossível sermos felizes sozinhos.



"Simplesmente ...estar com amigos é inesquecível!" (Mari) 


"Fazer praticamente um bate e volta para uma festa à fantasia em Goiânia com a galera comprovou, definitivamente, que gente legal atrai gente legal! Numa viagem em grupo você pode descobrir que sua amiga do cabelão é uma DJ sensacional, que a amiga arquivista na verdade é terapeuta, que a amiga que está noiva pode ser tão solidária a ponto de trocar de sapato com você (mesmo calçando um número menor!) e, claro, que maquiar seu amigo (Ops! Digo, caracterizar...) é mega divertido!!! Foi loido!!! Rs" (Edmárcia) 


"A viagem para Goiânia ficará na memória principalmente pelos amigos que foram muito animados. Espero fazer muitas outras viagens com essa galera!!" (Lucas) 


“Torço para que tenhamos várias outras viagens inesquecíveis. Obrigada a todos vocês!” (Grazi) 


"Descrever em palavras a sensação de viajar com pessoas que amo de verdade, pra mim, é praticamente impossível... Vou me limitar a dizer que esse fim de semana não sairá da minha memória!" (Tiago) 

“Foi muito bom poder partilhar momentos felizes com pessoas incríveis!! Que novas viagens surjam e novas histórias sejam construídas...Moral desse encontro em GYN: "Vista uma fantasia, que direi quem tu és." kkkkkkkkkkkkkkkk” (Marcos) 


"Viajar em grupo pode ser a melhor ou a pior experiência da sua vida... Isso só depende de uma coisa: o grupo! Destino escolhido, distância, condições climáticas, tipo de hospedagem, passeios e festas não determinam o sucesso ou fracasso de uma viagem coletiva. Se você consegue se divertir dançando na chuva, longe das outras pessoas da festa e tomando bebidas ruins só pelo fato de que as 9 pessoas que estão ao seu lado estão se divertindo também pode ser sinal de que você achou o grupo certo!" (Núbia) 


"Viagens entre amigos dão certo quando todos se dispõem à diversão própria e à do grupo. Assim sendo, não resta dúvida que o divertimento generalizado ocorreu em cada momento da nossa "Mini Gyn Trip". O prazer de estar junto com os amigos foi tão grande que se tornou a principal atração da viagem. Que venham as próximas!"  (Edmércia) 

Muito obrigada a todos pela parceria, piadas e companheirismo: Victor Xucuru Kiriri, Mari, Ef, Blue Eyes, Ti, Ed, Linoca, Grazie, Lucas Matogrosso, MarcoZ e ao F***me I'm Famous!. 

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Que fase...

E você aí pegando 1h 30min de trânsito (quando dá sorte) para ir do trabalho para casa todos os dias...





quarta-feira, 2 de abril de 2014

Casamento vs Lua de mel






"I love it when we are cruisin together..." 

Esse post surgiu de uma conversa informal (como se houvesse conversa formal entre a gente) entre eu e minha queridíssima amiga Núbia "Blue Eyes" que tanto participa desse blog, quanto dá pitaco na minha vida. Pedi pra que ela escrevesse sobre essa história de casamento, vida nova e tudo mais, principalmente focando na parte da lua de mel (que é a maior condenada nessa hora).

Leia sobre o relato da minha lua de mel em Bora Bora aqui. 

Ela, como sempre, cumpriu sua missão entre uma degustação de doces aqui, uma prova de vestido ali, e deu a perspectiva de um casamento onde a lua de mel é o mais importante. Afinal de contas, pra quê mesa? Ninguém fica em mesa na festa mesmo...

"Viajar sempre foi um dos meus maiores prazeres e desde de que adquiri independência financeira isso se tornou uma das minhas prioridades na vida. Quando eu era mais jovem, não conseguia entender como as minhas amigas de 15 anos preferiam fazer uma festa de uma noite ao invés de passar uma semana com o Mickey e sua turma. E quando crescemos, enquanto todas sonhavam em entrar na igreja vestida de branco, meus pensamentos estavam um pouco além disso... na lua de mel!

O noivo sempre soube do meu lado viajante, mas acho que até ele acabou surpreso com minha resposta na hora do importante pedido: 

Noivo: Então, você quer casar comigo? 
Noiva: Ok! Mas com uma condição: a lua de mel será na Itália. 

Assim que começamos a pesquisar referências sobre como planejar um casamento, 100% dos especialistas diziam: DEFINA PRIORIDADES! Como eu disse, viajar é uma prioridade na minha vida, no casamento não seria diferente. Assim, definimos a nossa prioridade: a lua de mel; e a partir daí tudo começou a ser planejado em torno dela. 

E a data do casamento? Primeiro a gente vê qual a melhor época para conhecer a Itália e depois marcamos a data. Vai ter festa? Depende, se sobrar dinheiro da viagem fazemos uma festa. 

Se você não é milionário e está passando, ou já passou, por essa fase "casamentícia" na vida sabe que: ou você planta uma árvore de dinheiro no quintal, ou cada passo tem que ser planejado (e calculado) com muito cuidado para não acabar começando a vida a dois soterrados em dividas. 

A verdade é que com todo o gasto que uma cerimônia/festa de casamento requer, a maioria das pessoas acaba deixando a viagem por último e sobra pouco para investir nesse item do nosso infinito check list. A minha dica para que o destino da viagem mais romântica da sua vida não acabe sendo Caldas Novas é ter um bom planejamento financeiro. 

Ok, falar de dinheiro não é romântico, mas é extremamente necessário que você e seu noivo(a) falem abertamente sobre isso para que o casamento (festa, viagem e vida a dois) dê certo. Para quem tá começando, vale a pena ir na contra-mão da lógica casamentícia. Em vez de decidir para onde irá com o dinheiro que sobrar, pesquise o lugar dos seus sonhos e a partir daí se planeje reservando a verba necessária. Claro que você não precisa ser a louca do passaporte e gastar 1/3 do seu orçamento na viagem (tipo euzinha), mas vamos combinar que esse é um ponto que merece atenção especial, certo? 

Para quem já tá com a corda no pescoço e não faz ideia de como conseguir uma viagem digna com pouca grana, este blog tem várias dicas legais de como fazer uma viagem econômica. Uma boa opção também é diminuir a quantidade de dias na viagem e investir em lugares que estão em baixa temporada." 

Noivíssima do ano Núbia Blue Eyes 

Mais sobre o tema: 

Como escolher seu hotel em Las Vegas

Sempre ouvi dizer que a hospedagem em Las Vegas é um item muito fácil de resolver, porque são muitas opções e, portanto, acaba sendo ...