Riviera Maya, Playa del Carmen

Playa del Carmen
Que delicinha de cidade! E ponto de parada obrigatória em viagens para Cancún. Playa Del Carmen é uma das cidades que formam a chamada Riviera Maya, talvez a mais badalada. Lembra muito Búzios/RJ para se ter uma ideia. Ela fica há mais ou menos uma hora do aeroporto de Cancún e tem todo aquele charme interiorano mesclado com uma infraestrutura linda para o turismo. 

Além do clima maravilhoso das suas ruas, a maior vantagem de ficar uns dias por lá é o fato dela estar muito mais próxima que Cancún dos principais passeios oferecidos na região. 

Pegamos um transfer já pagando pelo site do Brasil (Cancun Shuttle) e seguimos para Playa del Carmen onde ficamos por 5 dias. Detalhe que o transfer deu super certo, foram muito carinhosos e profissionais. 

Pagar por um hotel comum é o melhor a se fazer já que praticamente todos os dias você estará fora fazendo algum passeio. A dica é ficar no Quinto Sol Boutique Hotel que está localizado justamente na Quinta Avenida, a mais badalada e movimentada rua de pedestres. Também está no melhor ponto da praia, sem falar nas acomodações muito confortáveis, a decoração aconchegante e a hidromassagem no terraço que é de tirar o fôlego. 

Eu particularmente gostei muito de lá, principalmente da Quinta Avenida que está repleta de restaurantes e bares de muito bom gosto, dá vontade de entrar em todos. Também tem um monte de lojinhas de souvenirs e coisas típicas. Além da rua da balada, a rua 12 perpendicular à 5a Av. Anoite essa rua pega fogo, todos vão para lá decidir em que disco entrar. 

Compensa fazer vários passeios saindo de Playa como ir aos parques áquaticos naturais Xel-Há, Xplor e Xcaret, ir até Tulum, Cobá, Sian Ka'an, Akumal, conhecer o Chichen Itzá e Cozumel e, ainda, se aventurar nos vários Cenotes da região. 

Passamos um dia inteiro no Xcaret, um parque aquático nos moldes "Disney" (não crie tanta expectativa). Aproveitamos nossa ida para nadar com golfinhos lá (pagando além do ingresso). No fim do dia, às 19h, começa o show final que conta minuciosamente toda a história do México, passando pela cultura Maia e indo até as características de todas as regiões do país. É bem cansativo, dura três horas, mas não tem como ir embora sem assistir. 

Num outro dia fechamos um passeio até o Chichen Itzá, uma cidade arqueológica da civilização Maia situada no estado de Yucatán. Bem interessante e digna de milhares de fotos, principalmente da pirâmide de Kulkucán (uma das Sete Novas Maravilhas do Mundo). Se prepare para o calor, exagere no protetor solar e no repelente. As lembrancinhas lá dentro caem de preço à medida que as horas vão passando, ótimo local para comprar souvenirs com preço baixo. 

No mesmo pacote do Chichen Itzá, visitamos o Cenote de Ik Kil. Os cenotes são umas espécies de grutas que formam poços de água doce abastecidos por rios subterrâneos. É lindo de morrer! Impressionante demais além de ter uma água bem gelada e deliciosa. E para finalizar o dia, passamos numa outra cidadezinha da região chamada Valladolid, que deve ter entrado no roteiro só para tentar alavancar a receita da simples cidade. Lá pode-se experimentar umas tequilas e licores da região. 

No outro dia, seguimos para o porto de Playa del Carmen para pegar um ferry rumo à ilha de Cozumel. Como ela está muito próxima, dá para fazer um bate-volta de um dia já que tem saídas e chegadas de 30 em 30 min. 

Pegamos um ônibus no Terminal de Playa del Carmen para Akumal que significa "lugar das tartarugas". Elegemos Akumal a segunda melhor praia de toda viagem (a primeira é Playa Norte em Isla Mujeres), e preciso dizer que é imperdível. Lembrei muito de Formentera na Espanha pelo visual todo e pelo estilo da água quentinha e calminha. Se você não tiver o próprio equipamento de snorkel, alugue um na própria praia e vá nadar com as tartarugas. O local do nado é super pertinho da areia e elas são muito fáceis de achar. Vendem vários pacotes desse nado com tartarugas, mas não é preciso contratar ninguém para nadar e achar as tortugas. A praia não é cheia, não é muito badalada e os restaurantes sensacionais (com preços que cabem no bolso). Faça um favor para mim: peça o Pescado com Salsa de Ajo (alho). 

É importante separar um tempinho no seu roteiro para curtir Playa del Carmen que também tem uma água maravilhosa, experimente muitos restaurantes e ande bastante pela Quinta Avenida.


Playa del Carmen - México      Viagem: 2013 (Junho) e 2016 (fevereiro)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Zoo Luján de Buenos Aires: a pior coisa para se fazer na vida

Balada em Punta del Este, no Uruguai

Balada em Cartagena de Índias, na Colômbia